domingo, 25 de julho de 2010

Sociedades secretas: Segredo é poder

Sociedades secretas sempre existiram, desde o passado mais remoto. E continuam por aí: no Congresso, na igreja ou na mesquita, na direção de grandes empresas, no crime organizado... Elas estão em toda parte.


por Valmir Júnior e Mauricio Manuel
revista super interessante
Em setembro de 2008, 3 atentados à bomba reivindicados pelo grupo separatista Pátria Basca e Liberdade (ETA) deixaram 1 policial morto e pelo menos 11 feridos no norte da Espanha. Eis aqui um exemplo de como uma sociedade secreta, quando resolve sair das sombras, é capaz de interferir na vida de pessoas comuns. Quer outro? Voltemos, então, um pouco mais no passado, até o início do século 20. Na Alemanha das décadas de 1910 a 1920, um bando de doidos varridos decidiu fundar uma sociedade chamada Thule. Para muitos historiadores, ela pode ser considerada a precursora do nazismo, que levaria os alemães a escrever uma das páginas mais vergonhosas da história da humanidade.
Se continuarmos no túnel do tempo, encontraremos mais uma infinidade de sociedades secretas. Durante as cruzadas, na Idade Média, lá estavam os templários. Bem antes deles, na Roma antiga, seitas dionisíacas já se reuniam clandestinamente para adorar o deus Baco – com esbórnias que não tardariam a ficar conhecidas como bacanais. Na Mesopotâmia, apenas sacerdotes eram admitidos no interior dos templos, durante reuniões em que o destino de uma civilização inteira poderia ser traçado. E mais ou menos a mesma coisa acontecia no Egito dos faraós – considerados líderes divinos, eles eram iniciados nos mistérios do deus Osíris com uma cerimônia privada assim que assumiam o trono.
Moral dessa viagem de volta ao passado: sociedades secretas acompanham a história do homem, talvez desde que ele inventou a civilização. Como os integrantes dessas organizações freqüentemente são poderosos, no sentido político, militar ou econômico do termo, é natural que muitos desses grupos tenham se envolvido – e até protagonizado – momentos decisivos da humanidade. A maçonaria, por exemplo: ela esteve envolvida até o pescoço com a independência dos EUA (1766), do Brasil (1822) e de mais um punhado de países do continente americano.
PARA TODOS
Sociedades secretas existem muitas, sempre existiram. E são as mais variadas também. Tem organização política, religiosa, científica, filosófica, mística, filantrópica, satânica... A lista vai embora, incluindo até grupos terroristas. Ora bolas, por que não classificá-los como sociedade secreta? Pense na Al Qaeda, de Osama bin Laden, por exemplo. Ninguém sabe direito quem são seus integrantes. Um deles pode estar sentado ao seu lado neste momento e você nem desconfia. O mesmo raciocínio vale para o crime organizado. Como não chamar de secreta uma máfia italiana ou japonesa? Elas são clandestinas, mantêm tradições e rituais misteriosos, contam com seus próprios códigos de honra e ainda punem com a morte o integrante que se atreve a revelar seus bastidores.
Cabe quase de tudo no balaio das sociedades secretas: do Opus Dei, a organização religiosa que até outro dia era dirigida por um santo (são Josemaría Escrivá), ao “Clube do Fogo do Inferno” (Hell Fire Club), um grupo do século 18 dedicado à magia negra; de Hugo Chávez, presidente da Venezuela e integrante da maçonaria, a George W. Bush, duas vezes presidente dos EUA e membro da “Crânio e Ossos” (Skull and Bones).
Como tudo que é secreto faz nossa imaginação trabalhar loucamente, teorias conspiratórias são tão variadas quanto as próprias sociedades secretas. Muita gente acredita que essas organizações, sejam elas quais forem, não fazem outra coisa além de planejar o domínio do mundo. Há quem enxergue conspiração até no sobe-e-desce das bolsas ou na crise sistêmica que ameaça paralisar a economia mundial. Boa parte do que se diz é bobagem. Mas nem tudo. Há evidências claríssimas do poder que certas sociedades secretas foram capazes de exercer no passado – e continuam exercendo até hoje. Elas estão por aí, no Congresso, na igreja ou na mesquita, na direção de grandes empresas multinacionais, no submundo do crime organizado... Estão por toda parte.












10 COMENTÁRIOS:

Karla Hack disse...

Achei o tema do seu blog muito interessante,
Afinal, todos temos curiosidades sobre a exist~encia ou não de sociedades secretas...
A situação relatada no seu tópico, eu não possuía conhecimento.
Vou parecer aqui mais vezes!
;D

sequelanet.com.br disse...

Pena que esse tipo de coisa ainda exista em pleno século 21. Pior de tudo, é que muitos políticos estão nesse tipo de sociedades secretas.

Nivaldo Gomes Filho disse...

ja estou seguindo seu blog ja uma força la no meu vlw.....


que o senhor abençoe vc e sua familia....http://mundogospelradioon-line.blogspot.com/

Luiz Brisa disse...

vergonhoso q ainda exista isso

╬ Nothing has sense ╬ Felipesfr disse...

o modo de dominação...
sabemos tão pouco sobre elas, e o que falamos se torna algo meio q mistico as vezes..

interessante mesmo

T.S. Frank disse...

Sociedades Secretas... O que seria do Dan Brown sem elas?

Bem... A Al Qaeda é sim uma sociedade secreta, ou era, e bem organizada. E devem existir inúmeras que nós nunca vamos ficar conhecendo. A Marçonaria, eu acredito, seja a sociedade, que um dia foi secreta, mais conhecida no mundo. Quem sabe o Dan Brown não faça parte de uma...

T.S. Frank
www.cqesherlockcopa2010.blogspot.com
www.cafequenteesherlock.blogspot.com

Monih disse...

sinistro.

Osrevelatti disse...

é evidente a existencia das sociedades secretas
o que procuramos saber é o poder delas, seus objetivos, e suas influencias em nos porque tudo que é oculto, é duvidoso.

Luiz Reis disse...

Eh essas coisas me dão o maior cagaço!
Gosto não...

carlo-barboza disse...

é bem provavel que alquem que postou aqui faça parte de uma delas. zuera.

existem variais realmente uma mais maluca que a outra.

estava lendo outro dia de uma sociedade não é secreta, é apenas uma socieade em que os membros creem em DEUS, porem eles agem como possuidos, os caras comemoram mortes de soldados americanos, fazem cartazes dizem você vai queimar no inferno e um monte de baboseira, agridem homossexuais e etc.
e dizem que agem conforme a bibla, se eles cumprissem os mandamentos biblicos, não iriam caçar homossexuais para espancalo, eles iriam prega a palavras para os mesmos.

Postar um comentário

Comenta, Não precisa concordar:

 
Bloggerized by Lasantha - Parceria Aluno Virtual
Real Time Web Analytics